sábado, 10 de julho de 2010

A "verde" Marina Silva!


Quando "a verde" Marina Silva terminar de inaugurar todos os "Comitês Voluntários" pelo Brasil, não sobrará tempo pra ela fazer campanha! Que coisa brega!

A Marina pode até ser bem intencionada, mas, é muito ingênua. Não tem conversa pra convencer o seu eleitor. Ela precisa entender que pra vencer a disputa, precisa cativar não só as elites deste país, mas, o povão, tem que iludir, mentir, prometer entre outras coisas...

Nós acreanos ficamos sentidos dela não ter iniciado a campanha pelo Acre, que é o lugar onde ela poderá ter o maior número de votos, claro, tiradas as devidas proporções do eleitorado.

A candidatura de Marina Silva é uma maluquice que não tem tamanho, coisa igual só a do Enéias. Muito me admiro o monte de "cumpanheiros" e assessores dela que não conseguiram dissuadí-la a entrar de cabeça numa derrota, sem pé, nem cabeça. Mas, isso pode muito bem ter sido alguma armação. "Olha Marina, tu sai para a presidência, que a gente precisa lançar o Edvaldo Magalhães na tua vaga, o Tião vai ganhar pra governador e a gente ajeita as coisas com uma ou duas secretarias pra ti e para o teu pessoal".

Não há como alguém em sã consciência acreditar numa vitória de Marina Silva para a presidência, claro que isso inclui ela mesma. Todavia essa candidatura poderá tirar alguns votinhos de Dilma Rousseff, pois, quem acredita e vota em Marina, são em geral pessoas cultas, que obviamente não votariam em Dilma num segundo turno. O único lugar onde Marina poderá cativar o eleitorado mais simples, é no Acre, onde ela já tem um bom eleitorado.

Agora, a derrocada final será ver Marina Silva abraçadinha com Dilma Rousseff nos palanques do segundo turno, a pessoa que foi o mentor de sua saída do Ministério do Meio Ambiente.

Fazer o que?

2 comentários:

  1. Dickinson Meirelles12 de julho de 2010 07:45

    O que mais irrita nela é essa mania de ser sempre a boazinha, a certinha, a politicamente correta... Não vejo Marina querendo fazer o bem coisa nenhuma, se realmente quisesse fazer o bem se candidataria a Governadora e romperia com seus 'irmãozinhos' petistas.

    ResponderExcluir
  2. Marina: "serei uma Silva de saia". Deus nos livre!

    Neste final de semana, Marina Silva, exagerou na dose de irrelevância política. Além de ter dito que Índio da Costa não está maduro para ser cacique, avisou que será "uma Silva de saia". A verde é a maior decepção da campanha. Até agora, sua única estratégia é pairar como a santinha do pau oco por sobre as outras duas candidaturas. Só aparece em eventos religiosos, cantando hinos, recitando salmos e posando de fiscal da ética, da moral e dos bons costumes. Tem um grande futuro na carreira religiosa. Às vezes até dá saudades de uma Heloísa Helena que, apesar da alopradice ideológica crônica, fazia uma campanha com muita personalidade.

    ResponderExcluir