segunda-feira, 5 de julho de 2010

Quem é ele? Anjo ou demônio?



Ontem à noite, por falta do que fazer, assisti ao programa onde a Jornalista Marília Gabriela entrevistava o deputado petista cassado José Dirceu. Onde ele disse que não renunciou ao mandato para escapar da cassação em nome da "ética", que poderia muito bem ter renunciado e concorrido novamente, e que certamente teria sido eleito e reeleito. Que nunca foi "mentor" de coisa nenhuma, que é um injustiçado politicamente e outras baboseiras.

Acho incrível como esse pessoal do PT se comporta. O cidadão em questão se acha um "herói nacional", com capinha e tudo! Numa das frases ele disse que as ações terroristas praticadas por ele e seus companheiros na época da ditadura eram plenamente justificáveis e imperiosamente necessárias à democratização do país. Os "democratas" e heróis nacionais como José Dirceu, fugindo da ditaduta militar no Brasil, exilaram-se em Cuba, que segundo a sumidade, "não é uma ditadura", descrita por ele como "um país com um regime político especial". Especialíssimo! Obvio que como todo chavista, culpou os EUA pela situação atual de Cuba.

Durante a conversa ele admitiu que viveu na clandestinidade, aqui no Brasil mesmo, iludindo os orgãos de segurança e tendo feito inclusive cirurgias plásticas, mudado de nome, de cidade e assumindo outra identidade, tendo inclusive que modificar seus hábitos e costumes. Também declarou que andava armado e sempre alerta, fugindo dos grandes centros e procurando não se envolver em nada que pudesse envolver a polícia. É realmente um grande herói, quem se esconde enquanto os "outros" combatem!

Perguntado por Gabi se, ainda hoje, ele representa o mesmo papel que representou outrora, tendo uma dupla personalidade e uma dupla vida, ele sorriu de ladinho e desconversou, falando de outra coisa. Inquirido se havia matado alguém durante o período em que foi terrorista, com outra risadinha disse que não, o que é obvio. Se não matou, pelo menos teve a intensão, pois, andava armado.

Bem, o cidadão confessou em rede nacional, um sem número de crimes praticados por ele em outros tempos, como usar identidade falsa, passar-se por outra pessoa, andar armado, envolver-se com terrorismo e sequestro entre outras coisas e se acha um dos heróis nacionais, um revolucionário, um ativista da democracia. Para mim, isso tem outro nome, mas, fazer o que? Vá eu ou você, confessar essas coisas pra ver se não somos enjaulados no mesmo instante, com anistia ou não!

Sabem quem era companheira dele nestas peripécias? A nossa futura possível Presidente do Brasil, "doutora" Dilma Rousseff.

O engraçado é que os envolvidos nisso tudo não se acham culpados de nada, não praticaram nenhum crime, nunca fizeram nada de errado e acham que só eles devem ser beneficiados pela Lei da Anistia, que os militares envolvidos teriam que ser punidos pelos "crimes" que cometeram. Crime é crime, seja do tamanho e do tipo que for!

É por isso que a política no Brasil está do jeito que está. Estes senhores se acham donos do Brasil, da verdade e da Democracia, são as únicas pessoas éticas no mundo e se julgam "sem pecado", dignas de estarem sentados à direita do Altíssimo.

Já imaginaram um petista no céu? Ia querer mandar mais do que Deus!

4 comentários:

  1. Nielsen O. M. Braga5 de julho de 2010 12:10

    Já que sua pergunta se refere a somente duas opçõers, com certeza anjo ele não é, então é demônio mesmo! O mais impressionante em ZéDirceu é sua cara de madeira, não entendo como médicos conseguiram fazer plástica nela, segundo ele estava fugindo do regime militar, mas com um histórico de mensalão nas costas hoje em dia tenho lá minhas dúvidas se ele realmente fugia só da ditadura... Podia rolar também golpes, sequestros e treinamentos terroristas... Com esse povo nunca se sabe... E o melhor de tudo, Acreucho, eu deixo para o final: ele veio ao Acre participar de workshop como principal palestrante, era como se fosse uma personalidade do quilate da falecida Zilda Arns ou Frei Leonardo Boff... Pode? No Acre PODE!

    ResponderExcluir
  2. Fico até envergonhado em descobrir como a realidade e história brasileiras que eu conheço não são expressão da verdade! O investigado-mor da SOC do mensalão se passando como vítima quase comove, é um show-man de manipulação e acomodação dos fatos às suas versões...Gramsci é coisa de amador perto do político profissional... A coitada da cidade de Passaquatro-MG, com suas deliciosas e puras águas-minerais, não merecia ter um petista consultor de empresas tão puro assim... só falta as asas.

    ResponderExcluir
  3. A 'INTENSÃO!'...De Sua Pergunta,

    Responde-SE Em Sí...

    Não Estou Criticando,Ao Contrário,

    Têm 'Coisas' Que Só 'Ditas Assim'

    Joana D'Arc Valente Santana,Eu Sou

    ResponderExcluir
  4. Meu caro amigo Acreucho já sou seguidor do seu blog gosto muito de suas postagens, vou até colocar um link no meu.
    Esse Zé Dirceu é o maior bandido de todos os tempos.
    acesse tb www.maykonsales.blogspot.com e veja tb algumas verdades sobre os petralhas. abraços

    ResponderExcluir